quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

A ARTE DA GUERRA




A ARTE DA GUERRA


A arte faz guerra entre o pincel e o vazio,
Entre a linha e a pena deslizante,
Nos acordes da música que invade o silêncio,
E a monotonia se desmorona pela arte, a cena, acena.


Há uma guerra entre a arte e o mundo,
A arte derruba os muros da realidade,
Vive atrás, oculta, sagrada entre os profanos,
Aos hereges que sabem a verdade escondida.


Os que dominam a arte não se prendem,
A rotina da roda se perde no imenso obscuro,
E a alma perdida não quer encontrar,
Nada, nem Tudo,
Apenas, lutar em sua guerra de criar arte.



Elder Prior.

Nenhum comentário:

Postar um comentário